:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Teixeira de Freitas, 22 de fevereiro: A Equoterapia foi lançada oficialmente na tarde desta quinta-feira no auditório do 13º BEIC (Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação). O projeto é uma ação organizada pela ASSEDIC (Associação Educativa de Inclusão e Cidadania), que objetiva utilizar um método terapêutico e educacional com cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de crianças e adolescentes com deficiência.

 

Esse lançamento oficial do projeto, foi um momento para reunir os participantes, voluntários e parceiros, com muita alegria e satisfação, e ao som da cantora Maria Vitória. Houve entrega de certificado dos concluintes do curso de doma e para os amigos da “Equoterapia”.

 

Segundo o presidente da ASSEDIC, Jean Moreira,“hoje, o evento tem a intenção de mostrar o projeto em si, é um projeto piloto da Associação, viemos apresentar à sociedade o que estamos trabalhando há muito tempo, e essa é a oportunidade. Trata-se de um projeto muito bonito e satisfatório, nos empenhamos muito para que tudo isso acontecesse”.

 

Dentre os convidados, estiveram presentes o Secretário de Educação de Teixeira de Freitas, Hermon Freitas, juiz, promotor, vereadores, diversos representantes de outras entidades, que vão de forma direta ou indireta contribuir com o projeto.

 

A importância do projeto para as autoridades e representantes de modo geral da região é o de poder contar com doações, pois o “Equoterapia” ainda está no início, é uma ação filantrópica e precisa muito da contribuição de todos.

 

De acordo com a capitã Sheila Kelly Ravanne Rodrigues, “no momento, temos 3 cavalos para atender a todos os assistidos, que ainda não sabemos o número de inscritos, mas almejamos, num futuro próximo, atender em torno de, no mínimo, 40 crianças. Nosso anseio é grande, e a demanda também é grande”, declarou.

 

Para quem tem interesse de inscrever algum familiar com deficiência, a pessoa pode fazer a inscrição através do site www.assedicba.com.br  o qual foi lançado também nesta tarde, ou ainda comparecer no 13º BEIC, onde estão funcionando todas as ações do projeto.

 

O presidente da ASSEDIC também pede ajuda de voluntários, “precisamos de diversos voluntários da área de saúde e de humanas para que possam nos auxiliar e mediar todo o projeto”.

 

Em relação às doações, se a pessoa queira ajudar o projeto pode contribuir através do carnê mensal ou qualquer ajuda via cartão de crédito, depósito bancário, boleto, entre outras, todas as opções no site. Tudo em favor desse grande projeto, o qual mudará a realidade de muitas crianças e adolescentes de nossa cidade.

 

Por: Vida Diária/Robson Dias e Mirian Ferreira

Fotos: Nadson Camargo

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

MercadoSul
CNA
carnesSP
Exata
Lekao
GIL Academia