:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou que, por meio de sua subsidiária de participações acionárias, a BNDESPar, aprovou a fusão entre as empresas Suzano e Fibria. A operação consolida as duas maiores empresas de celulose do país e transforma a companhia resultante em líder mundial em celulose de mercado.

As negociações foram conduzidas em comum acordo com a Votorantim S/A, com quem a BNDESPar compartilha o controle da Fibria.

O BNDES entrou na Fibria, empresa que nasceu da fusão de Aracruz e Votorantim, para evitar quebra das empresas após perdas com derivativos financeiros (instrumentos financeiros cujo preço de negociação é baseado no preço futuro de algum outro ativo, como ações, câmbio ou juros, que são usados como se fosse um seguro de preço e tem como objetivo proteger o investidor contra variações de taxas, moedas ou preços).

A composição da forma de pagamento ao BNDES concilia o recebimento de parte significativa em dinheiro, cerca de R$ 8,5 bilhões, e o recebimento de ações da companhia resultante.

Segundo a nota do BNDES, foram negociadas melhorias de governança, que incluem a aprovação de uma política de indicação de conselheiros independentes. A companhia resultante deverá, por contrato, manter, no mínimo, o mesmo padrão de responsabilidade socioambiental em que as duas empresas já eram referência.

O acordo, segundo o BNDES, assegura que acionistas minoritários recebam dinheiro e ações nas mesmas condições dos controladores. A BNDESPar seguirá com participação relevante, mas será minoritária.

Segundo o BNDES, a operação é garantida por consórcio de bancos privados e sua conclusão está sujeita à aprovação de agências antitruste.

A holandesa Paper Excellence chegou a entrar na disputa e havia feito uma proposta para comprar a participação da BNDESPar na Fibria Celulose. A oferta formal avaliou a empresa brasileira em R$ 40 bilhões.

Por: Vida Diária/G1.

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

POPULARES Mais acessadas na semana