:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Teixeira de Freitas, 07 de fevereiro: A equipe do Vida Diária esteve, na manhã desta quarta-feira (06), acompanhando a manifestação dos professores do município de Teixeira de Freitas, os mesmos pedem por melhorias no piso salarial do município. Eles se concentraram na Praça dos Leões, de lá saíram pelas ruas de Teixeira e, depois, lotaram a sessão da Câmara Municipal dos Vereadores.

 

Segundo Adriana Serapião, presidente do Conselho de Educação e uma das diretoras da APLB, "a nossa paralisação hoje é uma pauta extensa: qualidade de educação, merenda e infraestrutura adequada, qualidade de trabalho para o professor e a segunda parcela do reajuste de 2018, de 3,41%, ainda não foi repassado para o professor. Então, educadores novamente na rua para reivindicar e lutar pelos seus direitos, que é legalizado", disse ela.

 

Para o vereador Jonathan Molar, "esta é uma paralisação de, por enquanto, um dia, com indicativo de estado de greve, a principal pauta deles é o reajuste. Foi feito um acordo no ano passado, mas a prefeitura não cumpriu integralmente. Neste ano, o reajuste ainda não foi discutido e a prefeitura não  fez nenhuma proposta, eles estão no direito deles de protestar. Para mim, essa situação é triste, vendo que a profissão professor já é bastante desvalorizada", relatou o vereador.

 

De acordo com o secretário de educação, Hermon Freitas, "as reivindicações fazem parte de um projeto de melhorias salariais da classe de educação no município. Entende-se que precisa haver uma equiparação salarial futura dos profissionais liberais, nada mais justo para a classe dos professores, coordenadores e educadores. Estamos em amplo diálogo com a APLB, já tivemos algumas reuniões com os professores e, no dia 26 de fevereiro, teremos mais uma reunião", relatou o secretário.

 

Por: Vida Diária / Robson Dias

Fotos: Nadson Camargo

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

MercadoSul
CNA
carnesSP
Exata
Lekao
GIL Academia