:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Não são poucos os momentos em que velhos padrões, velhas situações desagradáveis se repetem na nossa vida. Portanto, se você continua passando pela mesma coisa é porque ainda tem emaranhados aí dentro que não consegue lidar ou talvez você esteja negando sentimentos necessários serem percebidos como a raiva ou o desejo de se vingar, por exemplo. Quem sabe você esteja lidando com um constante medo de ser rejeitado e por isso você se mostra como bonzinho em situações que não deveria ser tanto, ou não consegue dizer não para quem se ama com medo de perder o amor dela.

Muitas vezes passamos uma vida adormecidos sobre nós mesmos e nossas reais necessidades porque simplesmente relutamos em olhar pra dentro para enxergar o que se passa ou perceber nossos reais sentimentos e não o que acreditamos que sejam. Se você está passando pelo que está passando é porque você se colocou aí e se você se colocou aí é porque tem algo a aprender que ainda não aprendeu. Porque o dia que aprender você não cai mais neste emaranhado.

Quais as situações provocam o seu sofrimento? Qual é o momento que faz com que você queira punir o outro, se vingar do outro? Qual a situação que faz com que você queira esquecer que o mundo existe e sumir temporariamente? Qual é o momento que faz com que você se sinta arrependido de ter falado o que não devia, de ter feito o que não queria? Será que é aquele momento que bate a solidão, será que é aquele momento que a gente sente que perdeu o controle da situação, será que é aquele momento em que se pensa que ninguém lhe respeita ou gosta de você? Pode ser um momento que se sinta injustiçado e que esta experiência seja sua velha conhecida porque vem desde a sua infância.

Isso mostra o quanto nosso sofrimento vem de nossas contradições. Na verdade, isso nada mais é do que forças contrárias atuando dentro de você em uma mesma situação, por exemplo.

É aquele momento em que sentimos amor e ódio por alguém, aquele momento que queríamos dizer eu te amo mas de fato faz uma crítica ou um julgamento, aquele momento que você quis ser assertivo mas acabou se submetendo. Pode ser também aquela hora que se come o que não poderia sabendo o que deveria ter comido. Estes são momentos em que você se trai. Você já passou ou está passando por isso?

O acordo a que devemos chegar não é com ninguém mais além de nós mesmos. Os outros são meras projeções de nossas faltas. Por isso é preciso aprender a arte da auto observação, é preciso olhar pra dentro para que se possa entender e perceber mais sobre si mesmo. É preciso retirar alguns minutos por dia para se perceber, para silenciar a mente e ouvir o que o coração tem pra lhe dizer.

 

Até a próxima!

www.criscastro.com.br

https://www.facebook.com/criscastropsi/

www.instagram.com/criscastropsi

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

COLUNAS Gente de opinião!

O poder da Meditação
O poder da Meditação
Publicado: Sábado, 17 Novembro 2018 00:14
Cave Antiga: Natureza transformada em vinhos
Cave Antiga: Natureza transformada em vinhos
Publicado: Sexta, 09 Novembro 2018 13:42
HARMONIZAÇÃO: VINHOS E ALIMENTOS
HARMONIZAÇÃO: VINHOS E ALIMENTOS
Publicado: Sexta, 02 Novembro 2018 13:15
MercadoSul
CNA
carnesSP
Exata
Lekao
GIL Academia