:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Desportistas de várias partes da Bahia presenciaram neste domingo (16) a conquista do título de campeã do 61° Intermunicipal pela seleção de Itamaraju. Com o estádio Juarez Barbosa (Barbosão) “estufado”, o time dirigido por Beto Oliveira derrotou Itapetinga por 1x0 no tempo normal e por 5x4 nos pênaltis e ergueu o troféu “Valdemiro Lima da Silva” (Merica), numa homenagem ao atleta revelado pelo Atlético de Alagoinhas e que atuou também no Bahia e no Flamengo (RJ).

 

O gol que levou a seleção itamarajuense à disputa de pênaltis foi assinalado aos 43 minutos do primeiro tempo por Naian, terceiro colocado na artilharia do campeonato, com nove gols, ficando atrás de Ganso (Itapé), com 10, e de Pim (Euclides da Cunha), com 16. A assistência foi de Breno, que lançou a bola na área para a cabeçada certeira do artilheiro itamarajuense. Com isso, Itamaraju devolveu o placar sofrido no jogo de ida da decisão, no último dia 9, no estádio Primaverão.

Apesar das tentativas de Itamaraju, em ampliar o escore a fim de consolidar a conquista do título nos 90 minutos, e de Itapetinga, em buscar o empate, o placar de 1x0 persistiu até o final da partida, levando os dois times a tentar a sorte nos penais.

 

Os goleiros Geovane (Itamaraju), menos vazado do Intermunicipal com apenas oito gols em 18 jogos, e Erik (Itapetinga) voltaram a brilhar na disputa de pênaltis, defendendo cada duas cobranças. Os chutes do veterano Ley e de Miller esbarraram na defesa do arqueiro de Itamaraju, enquanto que o itapetinguense defendeu as cobranças de Serrote e Juninho.

 

Os aproximadamente 6,5 mil torcedores (cerca de 4,3 mil pagantes) que acompanharam a partida “incendiaram” o Barbosão quando o zagueiro Guilherme converteu a sétima cobrança, pela seleção de Itamaraju, após Jucinho, de Itapetinga, ter errado a pontaria e lançado a bola para fora.

 

Festa à parte

A comemoração do tricampeonato do Intermunicipal pela seleção itamarajuense, após 14 anos de espera, se estendeu à diversas áreas da cidade, tendo a Praça Castelo Branco como o ponto da concentração final. O trio elétrico puxando centenas de torcedores estacionou no local por volta das 19:50h, após deixar o estádio.

A carreata percorreu o trecho da BR-101 até o trevo do bairro Santo Antônio do Monte, seguindo em direção ao palco central da festa pela Avenida Antônio Carlos Magalhães. Durante o trajeto até a Praça Castelo Branco, a taça era exibida ao público, e falações e paródias musicais exaltavam a seleção campeã.

 

Retrospecto

Com 41 pontos (aproveitamento técnico: 75,93%), a seleção itamarajuense contabilizou em 18 jogos 13 vitórias, sendo sete em casa e seis fora de casa, três derrotas (uma em casa) e dois empates. O seu ataque marcou 32 gols, enquanto que a defesa sofreu oito – saldo positivo de 24 tentos.

Já Itapetinga somou 37 pontos, com aproveitamento de 68,52%. Comandada pelo técnico Marcos Correia, a equipe obteve 11 vitórias, quatro empates e três derrotas; marcou 33 gols e sofreu nove – saldo positivo de 24.

Campeã em 1995 e 1996 o time foi contemplado em 2018 com o troféu José Alberto Vasconcelos da Silva (Dendê), que atuou como meio-campista no Atlético de Alagoinhas, Bahia, Vitória e Flamengo.

 

Pentacampeão

Bicampeão pela seleção de Itamaraju (2004 e 2018), o técnico Beto Oliveira comemora a sua quinta conquista no Campeonato Intermunicipal, sendo três títulos no extremo sul.

A sua trajetória vitoriosa começou em 2001, quando o dirigente levantou a taça por Coaraci. Em 2010, foi campeão por Porto Seguro e em 2017, por Eunápolis.

O primeiro título do Intermunicipal pelo selecionado de Itamaraju ocorreu em 2002, sob o comando técnico de Neca.

 

Por: Domingos Oliveira

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

MercadoSul
CNA
carnesSP
Exata
Lekao
GIL Academia