:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Teixeira de Freitas: Aconteceu nos dias 06 e 07 de outubro no auditório do Centro Educacional Professor Rômulo Galvão – CEPROG e em suas instalações, o treinamento teórico e prático de Triagem e Assistência em Acidentes com múltiplas vítimas para agentes voluntários da Defesa Civil e do Projeto “Escola de Prevenção”. O treinamento faz parte das capacitações ofertadas aos voluntários com o objetivo de preparar pessoas para, se necessário, atuar em apoio às instituições de segurança em caso de desastres.

Foram mais 40 participantes que puderam conhecer e praticar o método de triagem rápida utilizado em acidentes com múltiplas vítimas, conhecido como START, e aprender sobre o panorama do Sistema de Comando de Incidentes, ferramenta utilizada pelas forças de segurança para atuar em locais de catástrofes.

O treinamento teve participação especial de alunos do Karatê da ASKATEF (Mestre Bruce) que figuraram como vítimas para os agentes voluntários, também compôs o grupo de voluntários, agentes da guarda municipal, estudantes, brigadistas, agentes de segurança entre outros profissionais que se empenharam no intuito de formar uma consciência de cidade resiliente e de comunidades mais fortalecidas por conta da prevenção.

O facilitador da instrução, o Bombeiro Militar SGT Jamildo Vilas Boas, também voluntário da Defesa Civil, profissional com larga experiência e com diversos cursos na área de Defesa Civil e Gerenciamento de Risco em situação de desastres, ressaltou a importância da população conhecer e treinar preventivamente conteúdos como acidentes com múltiplas vítimas, visto que, em nossa região há um trecho da BR 101 onde circulam muitos produtos perigosos, presença de polo industrial, indústrias de médio e grande porte e aeroporto, todo esse aparato somado às ações da própria natureza que podem gerar enchentes, desabamentos, entre outros riscos. Esses fatores criam situações de vulnerabilidade e risco, produzindo pontos sensíveis e propensos à ocorrência de acidentes com a presença de múltiplas vítimas.

Além do bom preparo dos órgãos públicos de emergências como o SAMU, Bombeiros e a própria Defesa Civil, o despertar e o preparo do voluntário pode ser um marco decisivo no primeiro atendimento e na transmissão correta da informação, viabilizando a celeridade do deslocamento de equipes especializadas para fazer frente aos sinistros com a presença de múltiplas vítimas.

“Voluntários preparados representam uma mão de força importante para o nosso município e região, e a função da Defesa Civil é viabilizar a difusão da informação e o preparo, visando antes de tudo, a prevenção, e se necessário, a pronta resposta em apoio às instituições de emergência que atuam em nossa região”, ressalta Márcio Ruas, agente da Defesa civil e instrutor. O empenho dos voluntários e o interesse em apender, faz com que as ações de Defesa Civil sejam motivo de elogio e faz do município um exemplo para os demais da região do Extremo sul da Bahia.

Por Vida Diária: Andressa Lima/Ascom.

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

CNA
carnesSP
Exata
Lekao
GIL Academia

POPULARES Mais acessadas na semana