:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Mais de 600 pessoas foram atendidas em Alcobaça na triagem para procedimentos de saúde da visão

Os atendimentos aconteceram na Quadra Poliesportiva Municipal de Alcobaça, numa parceria com o Projeto Visão Sem Fronteira, com a realização de triagens, palestras e orientações das equipes de saúde.

 

O número de pessoas atendidas chegou à 600, em duas etapas, na quarta e quinta-feira, dias 15 e 16, respectivamente.

A ação é uma iniciativa da Prefeitura de Alcobaça, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, para cuidar dos alcobacenses atendidos na rede pública.

 

As pessoas com variações e problemas na visão tiveram consultas agendadas para os dias 24 e 25 de janeiro, no Posto de Saúde da Família (PSF) 08, do bairro Beija-Flor, para exames de acuidade visual, refração computadorizada, retinoscopia e, se necessário, ceratometria computadorizada e teste de estereopsia .

 

O Secretário Municipal de Saúde, João Dalmo Vilas Boas, explicou que “os casos diagnosticados com problemas oftalmológicos foram encaminhados para minuciosos exames e, em se confirmando gravidade, para intervenções cirúrgicas, sempre que necessário”, esclarece.

Segundo o Prefeito de Alcobaça, Léo Brito, “o município se destaca pelas ações realizadas nos últimos anos, com a reestruturação de toda a rede da atenção básica e a realização de mutirões e de ações com a oferta de especialidades de saúde”, disse.

 

Por: Vida Diária / ASCOM

Missão cumprida! O subtenente Bombeiro Militar Jamildo Vilas Boas se despede da profissão que tanto honrou e amou em toda a sua vida

Teixeira de Freitas, 17 de janeiro: Após 27 anos de bons e intensos serviços prestados à sociedade baiana como bombeiro militar, o subtenente Jamildo Vilas Boas encerra o seu ciclo e é transferido oficialmente para a reserva remunerada nesta quinta-feira (16). Amado e adorado por todos os seus companheiros de profissão, Jamildo deixa a sua marca no 18º Grupamento de Bombeiros Militares (GBM), em Teixeira de Freitas. Conheça a história e trajetória desse grande profissional.

 

Jamildo Vilas Boas nasceu em Salvador, oriundo de família humilde e morador das palafitas da Ribeira, é filho de Sr. Manoel, carpinteiro, e Dona Antônia, feirante, e tinha ainda mais outros 06 irmãos. Ele cresceu com o sonho de se tornar bombeiro e ajudar muita gente. Em 1991, serviu no exército brasileiro na Companhia de guarda local, em que aprendeu os primeiros passos do ser militar, ao término do serviço militar obrigatório foi aprovado no concurso para soldados bombeiros em 1992, quando ingressou no 1° grupamento de busca e salvamento, integrando o pelotão de guarda vidas. Em 1997, foi promovido à graduação de cabo e serviu por 02 anos na Operação Gêmeos da PMBA. No ano 2000, ele retornou ao corpo de bombeiros, só que agora no recém fundado Grupamento Marítimo, reassumindo a sua função de guarda vidas, atividade que exerceu com mestria e paixão. Em 2002 foi promovido à graduação de sargento e, em 2007, foi transferido para o 3° Pelotão do 6° GBM em Teixeira de Freitas, onde hoje é conhecido como o 18° GBM .

 

Em Teixeira de Freitas, o então Sargento Jamildão potencializou a sua missão como bombeiro, não só atuando nas diversas ocorrências, como desenvolvendo interação comunitária e executando projetos como o bombeiro. Foi na escola que em 2012 alcançou o 3° lugar no prêmio servidor cidadão e a Escola de Prevenção, que em 08 anos, capacitou mais de 6.000 jovens e adultos em primeiros socorros e combate a incêndios básicos.

 

Militante da paz e da alegria, também atuou como professor no Colégio da Polícia Militar e em cursos técnicos da região. Além de bombeiro e professor, é um cristão convicto, desenvolvendo a missão de pastor evangélico em congregações da região. Pai de 04 filhos, sendo eles: Henrique, Lucas, Ester e Sara; e esposo de Thais Vilas Boas. Jamildo sempre demonstra imenso orgulho quando se refere à família, declara que é a única riqueza que possui. Muito querido na comunidade, o "professor Jamildão " é a verdadeira inspiração dos seus colegas, amigos e familiares. Com todas essas qualidades, ele foi promovido à graduação de subtenente em 2018.

 

A respeito da sua passagem para a reserva, ele declara: “É o cumprimento de uma etapa importante na minha vida, a missão continua e o sonho prossegue. Um dia um garotinho pobre ousou sonhar com a profissão mais bela do mundo e esse sonho se tornou realidade, e aquele garoto se tornou um bombeiro e hoje vive a semear esse sonho no coração de muita gente. A missão continua mesmo guardando o uniforme e pendurando o coturno, ser bombeiro está entranhado na minha natureza. Sigo em frente, que venham os próximos desafios!”, disse Jamildo.

 

Deixando um legado importante no extremo sul e em toda a Bahia, o subtenente, professor e pastor Jamildo Vilas Boas dedicou a Deus tudo o que conquistou até aqui. Aplaudido pelos demais companheiros e de joelhos, sob uma neblina de água, ele orou a Deus e se despediu da sua "família" 18° GBM e retornando ao seio da sua família, a qual aguardou com expectativa esse dia.

 

Por: Vida Diária / Robson Dias e Mirian Ferreira

Matrícula da rede estadual de ensino começa nesta segunda-feira (20)

Começa nesta segunda-feira (20), a matrícula na rede estadual de ensino, que traz como novidade, este ano, a realização do processo 100% on-line, por meio de dispositivos móveis. O processo terá início nessa data com a transferência dos estudantes que tiveram frequência regular no ano letivo de 2019 e estejam em uma destas situações: a escola não oferece a série/ano subsequente; não fizeram a renovação da matrícula; e mudança de domicílio.

Com a matrícula digital, todo o processo poderá ser realizado através de tablets e celulares, entre outros dispositivos. Para isso, basta que os estudantes, pais ou responsáveis baixem o aplicativo do SAC Digital nas lojas APP Store ou Google Play, ou façam o cadastro através do  link https://www.sacdigital.ba.gov.br/. No caso dos menores de 16 anos, o cadastro deverá ser realizado em nome do responsável legal e o aluno deverá ser adicionado como dependente. Os estudantes já matriculados na rede estadual e com frequência regular em 2019 também poderão optar por fazer a renovação da matrícula na própria escola.

O calendário da matrícula segue nos dias 21 e 22 de janeiro para os concluintes do 5º ano ou 9º ano da rede, cujas escolas não ofereçam a série subsequente. Já no dia 23, a matrícula será destinada para o ingresso do candidato em unidade escolar da rede estadual de ensino em qualquer ano/série do Ensino Fundamental. Entre 24 e 27 também deste mês, poderão efetuar a sua matrícula o estudante que deseja ingressar em uma unidade escolar da rede de ensino em qualquer ano/série do Ensino Médio. A confirmação da matrícula dos alunos inscritos na pré-matrícula da Educação Especial, por sua vez, acontece nos dias 30 e 31 de janeiro.

Os alunos novos, oriundos das redes municipais e privada, também poderão utilizar o SAC Digital, mas deverão apresentar a documentação necessária na escola para a qual efetuou a matrícula on-line, conforme prazo estabelecido no comprovante de matrícula, como os demais estudantes. Após a efetuação da matrícula on-line, o estudante deverá levar os documentos na escola para o qual foi matriculado no prazo determinado no comprovante que recebe após finalizar o processo digital.

Documentação – Os documentos exigidos são os seguintes: original do Histórico Escolar ou Atestado de Escolaridade, firmado pela direção da unidade escolar (deve ser substituído pelo Histórico em até 30 dias); original e cópia da Certidão de Registro Civil ou RG; original e cópia do CPF (obrigatório para a Educação Profissional em todas as modalidades e formas de articulação, bem como no Ensino Médio e suas modalidades); original e cópia legível com data recente do comprovante de residência (água, luz, telefone fixo ou móvel, gás encanado, Internet, contrato de aluguel, IPTU, cartão de crédito ou TV por assinatura); e original e cópia da Carteira de Vacinação (para estudantes de até 18 anos).

 

Por: Vida Diária / TH

Mais de 23 mil alunos da rede municipal voltam às aulas no dia 31 de janeiro em Teixeira

Nos últimos dias, a equipe de manutenção da Secretaria de Educação de Teixeira de Freitas está trabalhando para deixar todas as unidades escolares em ótimas condições para receber os mais de 23 mil alunos da rede municipal na volta às aulas de 2020, que acontece no próximo dia 31 de janeiro.

 

Quase todas as unidades escolares (escolas e creches municipais) estão recebendo os trabalhos de revisão elétrica e hidráulica, pintura, consertos em geral (troca de lâmpadas, torneiras, ventiladores), podas nos jardins e limpeza nos terrenos. Ao todo, uma equipe de 15 profissionais atuam nos reparos.

 

Segundo o prefeito Temóteo Brito, a Secretaria de Educação está atuando na manutenção preventiva e realizando estes reparos para dar mais segurança e qualidade ao ambiente em que os estudantes ficam a maior parte do tempo.

“Desde o início de nossa gestão já fizemos reformas ou reparos em 32 escolas. Agora, com a proximidade do início do ano letivo de 2020, precisamos deixar tudo organizado para que estas crianças, adolescentes e profissionais que atuam nas unidades tenham um melhor ambiente de trabalho. Estamos investindo em educação e estas reformas já viraram uma rotina no início dos anos letivos”, disse Temóteo.

 

Por: Vida Diária / OSollo

FASB construindo futuro: conheçam os laboratórios de Engenharia Civil e novo projeto de cooperação técnica para toda região

Teixeira de Freitas, 17 de janeiro: A equipe do Vida Diária esteve presente, nesta quinta-feira (16), no campus II da Faculdade do Sul da Bahia (FASB),  para apresentar aos teixeirenses um projeto que visa se expandir além da academia, trata-se de um trabalho que objetiva atender construtores, engenheiros e empresas ligadas à construção civil.

 

De acordo com Luíz Simões, coordenador do laboratório de materiais de construções e solo, “estamos desenvolvendo um trabalho voltado para a comunidade, dando um suporte às construções, buscando a qualidade das mesmas. O trabalho que fazemos aqui é no laboratório de materiais de construção e de solo. As obras são feitas, muitas vezes, por modo empírico, pois até então não tínhamos um laboratório para dar esse suporte. Na parte de laboratório de solos, a estrutura de um pavimento está no solo, com isso, precisamos fazer alguns ensaios para caracterizar e verificar a resistência do mesmo, como ensaio de compactação, de CBR, de Granulometria, limite de liquidez, limite de plasticidade, etc. Ao fazer esses testes, vamos chegar a uma classificação do solo e saber se ele vai atender às exigências daquele pavimento. Dessa forma, passamos todo o feedback para o construtor e trazemos os alunos de engenharia civil para a prática”, disse ele.

 

O coordenador também relatou que, com esse projeto, os alunos ficam mais à disposição de empresas. “É importante trazê-los para esses estágios práticos de laboratórios, pois ficam mais expostos ao mercado de trabalho, as empresas vão estar aqui e isso é muito importante. A empresa ou proprietário de obra que tiver interesse no projeto,  entre em contato vindo ao campus ou ligando pelo (73) 3011-7000 ou (73) 99908-3820. Marcamos uma reunião e iremos até a obra deles e verificaremos as necessidades de cada um”.

 

“Em termos de equipamento, estamos bem montados, na região, acredito que é o único laboratório que existe para atender essas demandas, tanto em termos de equipamentos e corpo técnico. Posso falar com naturalidade, com mais de 35 anos de experiência, o laboratório está pronto para atender todas essas demandas. Ou seja, o laboratório estará voltado para todo os serviços de pavimentação e edificação (construção de edifícios comerciais, residenciais e industriais, e a parte de indústrias de pré-moldados, concretos, cerâmicas, argamassas e muito mais). Além disso, trabalhamos também com madeiras, a empresa que quiser qualificar a sua madeira e saber de mais detalhes, é só nos procurar”, concluiu Luís.

 

Segundo o diretor executivo da FASB, Prof. Nelson Motta, “O extremo sul da Bahia há muito carece de uma estrutura de qualidade para controle tecnológico de apoio ao setor da Construção Civil. Grandes empresas, ao se instalar na região, tiveram que montar seus próprios laboratórios ou contratar serviços em outros centros, para garantir uma boa qualidade em suas obras. Aplicando seus princípios de valorização da interação entre academia e comunidade, a FASB, objetivando oferecer aos seus Acadêmicos uma formação diferenciada em controle de materiais e de tecnologias da construção, também consegue preencher essa lacuna no setor, através de parcerias com empresas do ramo. Para isso, aparelhou seus laboratórios com o que existe de melhor em equipamentos no mercado. Os serviços de controle tecnológico ofertados pelos Laboratórios de Engenharia Civil da FASB suprem esta lacuna do mercado, propiciando uma elevação nos padrões de qualidade dos produtos e serviços fornecidos pelo setor de Construção Civil em nossa região, bem como, contribui significativamente para uma melhor formação dos nossos acadêmicos na aplicação dos conhecimentos desenvolvidos em seus cursos de graduação e pós-graduação”, reafirmou o diretor.

 

Portanto, venha fazer o vestibular agendado da FASB! São diversos cursos, principalmente, o curso de Engenharia Civil.

 

Por: Vida Diária / Robson Dias e Mirian Ferreira

COLUNAS Gente de opinião!

Vivo uma vida que parece não ser a minha!
Vivo uma vida que parece não ser a minha!
Publicado: Quarta, 15 Janeiro 2020 11:03
NOVO ANO. NOVOS VINHOS?
NOVO ANO. NOVOS VINHOS?
Publicado: Segunda, 13 Janeiro 2020 11:21
O que é um telhado embutido?
O que é um telhado embutido?
Publicado: Quarta, 08 Janeiro 2020 15:46

RELIGIÃO Voz para todas as crenças

Amigo Bicho O Vida tem um cantinho só para eles