:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Teixeira de Freitas, 11 de fevereiro: Reconhecida como uma das entidades que transformaram a realidade de muitas famílias ao longo dos anos, a ONG Paspas (Profissionais da Área de Saúde Promovendo Ações Sociais) está com vagas disponíveis para vários cursos e oficinas em sua sede, gratuitos e abertos à comunidade. Entre os cursos e oficinas ofertados, estão: curso de informática, oficinas de teatro, balé, capoeira, dentre outros.

Os interessados devem realizar sua inscrição na sede da ONG Paspas, a qual está localizada na Rua João Amaro Gomes, 775, Tancredo Neves, Teixeira de Freitas-BA, das 8h às 10h30 e das 14h às 16h30. Mais informações, entre em contato pelo DISK ONG (73) 3016-0795.

A ONG Paspas, que é uma organização não governamental, existe há 17 anos, foi fundada em 02 de junho de 2001. Desde então, mesmo com as dificuldades, que qualquer instituição social enfrenta, a ONG caminha conhecendo e apoiando pessoas e grupos quase que esquecidos pelo poder público e invisível para parte da sociedade. "Somos uma equipe que se dedica de corpo e alma ao trabalho social, ora como voluntários, ora com financiamentos. Acreditamos que existe um lugar devido e de honra para todos os seres humanos e todas as formas de vida que compartilham nosso Planeta Lar e já entendemos que esse lugar jamais será ocupado se todos cruzarem os braços diante dos gigantes que cercam a população carente”.

Disse ainda, “a convivência com grupos de riscos não nos permite sermos meros espectadores de um mundo com tantas necessidades. Fazemos o possível, e por vezes o impossível, para contribuir de alguma forma. Nossas ações são moldadas de acordo com os desafios postos. Trabalhamos com crianças, adolescentes, negros, idosos, grupos de mulheres, comunidades quilombolas, ribeirinhos, outras cidades, etc. No entanto, sabemos que nenhum trabalho de convivência familiar, associativa ou comunitária deve existir sem a consciência do espaço onde produzimos, moramos, construímos nossa relação e deixaremos de herança a outras gerações. A questão do preconceito de gênero, religioso e questões ligadas ao meio ambiente é uma grande preocupação para nós são temas trabalhados por meio de palestras, fóruns, roda de conversa, oficinas e cursos. A muito a ser feito, e é nessa incansável batalha que seguimos confiando: Que Nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos.” Disse o presidente Alex Fernandes.

A entidade possui histórico de participação em redes e conselhos, promove gestão compartilhada com o poder público no fortalecimento das estruturas institucionais e efetivação das políticas públicas governamentais, participa de conselhos de direitos, conselhos municipais, estaduais e nacionais, tem cadeira no conselho da agricultura familiar, que atende ao Extremo Sul da Bahia, câmaras setoriais, comitês de bacia hidrográfica, conferências municipais, estaduais e nacionais, audiências públicas e vasta experiência na implementação de trabalhos comunitários, tendo atuado em diversos bairros de Teixeira de Freitas, Cruz das Almas, Porto Seguro, Eunápolis, Guaratinga, etc.

A ONG Paspas fomenta ações sociais sem fins lucrativos, através de programas e projetos voltados prioritariamente para a defesa e efetivação dos direitos socioassistenciais em área urbanas e rurais, e tem a missão de promover o protagonismo social e político de crianças, adolescentes, jovens, mulheres, idosos e suas famílias em situação de vulnerabilidade social em áreas urbanas e rurais.

Tem como objetivos básicos facilitar processos que propiciem o desenvolvimento e a autonomia de famílias e comunidades tradicionais de quaisquer esferas reconhecidas em âmbito nacional, a promoção de cursos, formações e capacitações a crianças, adolescentes, jovens, mulheres e idosos, bem como contribuir para uma cultura de promoção dos direitos da infância e da juventude, dos direitos humanos, da inclusão social, promover a qualidade de vida; ajudar a desenvolver a autoestima, capacitar jovens e lideranças comunitárias e seus familiares; aumentar a inclusão e a aprovação escolar; favorecer a inclusão cultural, digital e esportiva; promover a inserção dos adolescentes e jovens ao mercado de trabalho e seu protagonismo juvenil e a disseminação de informações gerais e no campo das políticas sociais; desenvolver, articular, gerenciar projetos territoriais de redes de agroecologia, extrativismo e produção orgânica, voltados à intensificação das práticas de manejo sustentável de produtos da sociobiodiversidade; e, de sistemas produtivos orgânicos e de base agroecológica, meio ambiente e de resíduos sólidos em quaisquer biomas existentes no território nacional. 

Além disso, submeter a projetos habitacionais, desde transformação e intervenção social através de planos de trabalhos sociais e gestão pré-ocupação e pós-ocupação; gestão condominial e patrimonial em conjuntos habitacionais deliberado pela esfera pública ou privado, em área urbana e rural, centros de cultura e assessoramento a projetos no âmbito regional.

 

Por: Vida Diária / Robson Dias e Ascom

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

MercadoSul
CNA
carnesSP
Exata
Lekao
GIL Academia

POPULARES Mais acessadas na semana