:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

Teixeira de Freitas, 15 de junho: Nesta quinta-feira (14), Dia Mundial do Doador de Sangue, a Polícia Militar da Bahia fez uma parceria com a Hemoba e cerca de 40 alunos do Curso de Formação de Soldados PM do 13º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação (BEIC) de Teixeira de Freitas fizeram a sua adesão à campanha e doaram sangue. As doações contribuirão e muito para salvar a vida de inúmeras pessoas que necessitam desse bem tão valioso.

 

“A Polícia Militar da Bahia, nesse dia 14, lançou a campanha da doação de sangue voluntária. Como nós do 13º BEIC sabemos das dificuldades que a Hemoba enfrenta em ter a quantidade de sangue satisfatória para atender às suas demandas, inserimos nesta campanha cerca de 40 alunos do nosso curso de formação, com o objetivo de melhorar o estoque de sangue da Hemoba de Teixeira de Freitas. O 13º BEIC é uma unidade que tem como um dos seus objetivos se inserir na sociedade, participar dessas campanhas e projetos sociais”, relatou o comandante da unidade de formação em Teixeira, o Tenente-coronel PM Sérgio Barros.

 

Para o comandante, essa ação visa despertar na corporação a consciência sobre a importância do ato regular e solidário da doação, sendo que, no dia 25 do mês passado, 15 dos referidos alunos já haviam participado de uma campanha de doação, a qual serviu para abastecer o estoque da unidade hematológica. O PM ainda destacou o seguinte: “Eles irão contribuir como cidadãos. A doação de sangue é um ato de solidariedade e que efetivamente salva vidas”.

 

De acordo com Rodrigo Lenine, coordenador da unidade da Hemoba, “estamos fazendo todo um trabalho de logística para que não venha faltar sangue para os hospitais dos 13 municípios da região. Então, a Hemoba precisa trabalhar muito as campanhas externas, a logística da informação é uma contribuição essencial, tanto através da imprensa local, que já vem ajudando bastante, quanto através de outras metodologias tecnológicas de informação, por exemplo, futuramente queremos implantar aqui o Hemozap, o qual estaremos ainda mais interconectados com o grande público”, disse Rodrigo.

 

Segundo o coordenador, é preferível as pessoas agendarem um horário antes para ir à Hemoba, pois a unidade de Teixeira de Freitas é um setor de pequeno porte, com poucos funcionários, e por isso precisa ter todo um detalhamento no processo de doação, porque qualquer erro humano pode acarretar na vida de alguém. Enfim, é um trabalho de muito planejamento e as pessoas precisam estar cientes disso. A Hemoba funciona de segunda a sexta, das 07h30 às 18h. “Algo que vamos trabalhar também, a partir de julho, será as campanhas em parceria com entidades de empresas em Teixeira de Freitas, para poder dar oportunidade a esses trabalhadores que também queiram vir à Hemoba e fazer a sua colaboração”, concluiu ele.

 

Lembrando que os homens podem doar sangue a cada 60 dias e as mulheres a cada 90 dias. Seja você um doador frequente!

 

Por: Vida Diária / Robson Dias e Mirian Ferreira

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

POPULARES Mais acessadas na semana