:: Vida Diária :: Jornalismo que completa o seu dia!

A  Polícia  Federal deflagrou na manhã desta  quarta-feira (30/05)  operação  visando  desarticular  e  investigar organização  criminosa suspeita  de  desviar mais de R$  3,2  milhões em verbas do SUS e do FUNDEB repassadas ao  município de Itapebi, região sul da Bahia.

Segundo as investigações, o esquema  criminoso  funcionava através  da  constituição de empresas  fictícias, que eram  utilizadas  pelos envolvidos  para  fraudar  as  licitações  realizadas  pela Prefeitura,  dentre  as  quais para  a  aquisição  de  medicamentos  e  insumos  hospitalares,  merenda  escolar  e livros didáticos.

Além  de  Itapebi,  há  suspeita  de  fraudes  semelhantes  em  outros  municípios baianos,  cujo  valor  total  dos contratos  gira  em  torno  dos R$  14  milhões.

Cerca  de  60  policiais  federais  cumprem  21  (vinte  e  um)  mandados  de  busca expedidos  pela  Justiça  Federal de  Eunápolis.  A  ação  ocorre  nas  cidades  baianas de  Floresta  Azul,  Itabuna,  Ilhéus,  Itapebi,  Itororó, Senhor do Bonfim,  Teixeira de Freitas,  Uruçuca  e  Vitória  da  Conquista. 

São  investigados  políticos,  empresários  e  advogados.  Eles  responderão  pelos crimes  de  fraude  à  licitação (art.  90,  Lei  8.666/93)  e  organização  criminosa (art.  2º,  Lei  12.850/13).

A  operação  foi  batizada Juramento de  Hipócrates  em  razão  de  um  dos  líderes do  esquema  criminoso  ser médico  e,  não  obstante,  ter  quebrado  o  juramento solene  de  exercer  a  medicina  com  honra  e  para  o bem da  humanidade.

 

Por: Vida Diária / O Correio

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notácia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

MercadoSul
CNA
carnesSP
Exata
Lekao
GIL Academia